“Eu gostaria de estar registrando” ou como o discurso de foco no cliente termina na falta de autonomia.

Se você perguntar para qualquer empresa que busca a solidez do seu negócio como ela vê o cliente, as respostas ficarão entre “o cliente em primeiro lugar” e “nosso sucesso depende do sucesso dos nossos clientes”. Mas você sabe a distância entre a sua intenção de ter uma postura centrada no cliente e a percepção que ele tem do seu produto e da sua marca?

Veja o que escrevi no Medium.

Eduardo V. C. Neves

View posts by Eduardo V. C. Neves
Construindo a excelência na experiência do cliente, dia após dia.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Scroll to top
%d blogueiros gostam disto: